o dia de lembrar o ano, obrigada 2014

chegou a altura da manta nas pernas, do chocolate quente e do doce momento de reflexão do que foi mais um ano, e que ano.
dá para falar de tanta coisa, de tantas pessoas. umas que entraram, outras que saíram e ainda aquelas que voltaram.
vou começar pela mais antiga, ela merece um primeiro momento, aquela que esteve aproximadamente um ano sem notícias, que já quase não sabia nada.
havia a dor do esquecimento e a saudade do que outrora foi. o tempo foi o melhor aliado, a dar alento e no momento certo trouxe-a, aos poucos, devagar mas do mesmo jeito, com o mesmo encanto e com o sentido de humor que eu conhecia.
enquanto ela faltava, por uma força maior outras entraram de repente, sem tempo de adaptação, só porque tinha que ser assim e sem respirar. e que boa surpresa me saíram. do branco ao preto, passando por momentos de grandes risadas e enormes medos. da varanda à tribuna e mais uma reviravolta.
amores e desamores, apegos e desapegos, sim e não. o que seria mais improvável e inesperado, emoções que nunca mais acabavam.
uma nova recarga, um verão pequeno e cheio de luta enquanto dizia olá à próxima batalha.
agora no meio dela encontro-me outra vez sobre a nuvem de pressão e de medo, do pânico quase a instalar-se em mim e eu a tentar combater tudo isso com uma nova cara.
um ano cheio, cheio de momentos que gosto de recordar e não falo só daqueles em que fui feliz. porque sei que aqueles em que enterrei a cabeça na almofada e que mal dormi foram os que me proporcionaram uma maior aprendizagem.
tenho agora o que não tinha há um ano, estou agora como não estava há um ano, sou agora o que não era há um ano.
e digo-o feliz, por mim e por todos os que estão bem comigo ou até aqueles que estão melhor sem mim. que nada neste ano tenha ficado por dizer ou por fazer para que o novo possa trazer a dosagem acertada de tudo aquilo que faz falta.
olhando para trás, de nada me arrependo e enquanto sorrio e relembro isto tudo, ao reescrever doze meses tão cheios já o chocolate esfriou.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Seja onde for, quando for

cada dia bom faz um bom ano e bons anos uma boa vida

chegaram os teus 20